Rural Capital - Feorma
UniFG
 
Voce está navegando em:
HOME / NOTICIAS / LER NOTICIA
Caetité: Vereadores da oposição questionam altos gastos da Prefeitura com passagens
05/10/2015   
 

A bancada da Oposição da Câmara de Vereadores de Caetité após um levantamento dos valores pagos pela Prefeitura de Caetité para a Empresa Roberto Transportes LTDA, nos três primeiros anos do mandato do Prefeito Zé Barreira, detectou que o Prefeito gastou 2.932,000 (dois milhões novecentos e trinta e dois mil) apenas para o fornecimento de passagens para manutenção dos serviços das diversas secretarias e pacientes em tratamento fora do domicilio, sem contar a contratação da mesma empresa para prestar serviços de transportes de pacientes em tratamento de hemodiálise fora do domicilio (Guanambi), um montante de R$ 715.958,00 (Setecentos e quinze mil novecentos e cinquenta e oito reais). Os dados foram obtidos pelo Sistema Siga Módulo de Consulta do TCM – Tribunal de Contas dos Municípios. 
Segundo a denúncia, somente no ano de 2013, primeiro ano do segundo mandato o contrato foi de R$ 700.000,00 (Setecentos mil reais) para o fornecimento de passagens, o que significa que, durante o ano foram pagas 7.000,00 (Sete mil) passagens de Caetité-Salvador (linha de maior distância praticada pela empresa) considerando-se o preço da passagem a R$ 100,00 (cem reais) a preço de hoje. Se formos verificar foram pagas aproximadamente 583 (quinhentos e oitenta e três) passagens por mês, o que representa 19 (dezenove) passagens  por dia considerando inclusive sábados e domingos. 
Os vereadores vão mais longe e argumentam que se fizerem esses mesmos parâmetros para os anos subsequentes 2014 e 2015, chegaremos aos exorbitantes valores em 2014 de passagens R$ 936.000,00 (Novecentos e trinta e seis mil reais) 9.360,00 (Nove mil trezentos e sessenta) passagens no ano, 780 (Setecentos e oitenta) passagens por mês, 26 (Vinte seis) por dia. 
Da mesma forma, em 2015 foi firmado um contrato no valor de R$ 1.296.000,00 (Um milhão duzentos e noventa e seis mil reais) para o mesmo fim, o que representa 12.960,00 ( Doze mil novecentos e sessenta reais) passagens por durante todo ano, ou seja 1.080,00 ( Mil e oitenta ) passagens por mês ou seja 36 ( Trinta e seis) passagens por dia. Outro detalhe que complica ainda mais a situação da Prefeitura é que a citada empresa já não faz mais a linha Caetité-Salvador há aproximadamente 90 dias. 
Com tanto dinheiro envolvido, juntamente em um momento onde a Prefeitura reclama da queda de repasses, ameaça demitir funcionários e anuncia uma série de cortes no orçamento, os vereadores questionam: “só nos resta perguntar será que houve verdadeiramente essa quantidade de passagens ou tem mais coisas nas entre linhas desse contrato?”




 
 
 
Untitled Document
Destaques
Canais
Contato
ENTREVISTA
ESTADUAL
GERAL
EDUCAÇÃO
SAÚDE
DIVERSOS
ESPORTE
ACADEMIAS
HOTÉIS
LAZER
FESTAS
RESTAURANTES
TURISMO
CLASSIFICADOS
Soundcloud
Facebook
Quem Somos
Anuncie aqui
Cadastre seu evento
Trabalhe conosco
Fale conosco